magia para amor
Spread the love

Hits: 5

Os erros da amarração

Exemplo de um trabalho de amarração

Quando uma pessoa busca pela solução através da amarração é por que o que esta de errado não está na recusa da vítima do trabalho espiritual, mas sim no ego perturbado que quem solicita.

É falta de amor próprio, de respeito ao livre arbítrio do outro, é manifestação de egoísmo puro. O “eu quero” e o “que o outro quer não importa” é onde tudo já começa errado.

O bom espiritualista que conheçe a Leis do Carma, tem noção da relação de Causa e Efeito, acaba agindo como um terapeuta e orientando. O que mais acontece é o consulente ainda motivado pelo ego e egoísmo procurar que aceita fazer tal trabalho.

Existe bons resultados?

Não!

Mesmo que uma amarração deu certo, acabaram juntos, isso significa que deu muito errado. Mas por que deu errado?

Ao amarrar a outra pessoa, o livre arbítrio dela é anulado, a vontade própria é aniquilada e, quem faz a amarração assume as responsabilidades sobre o Carma da sua vítima.

Exemplo: Maria, muito apaixonada por um jovem médico, conseguiu amarrá-lo aos seus pés. Este médico tinha planos de iniciar um projeto numa cidade pequena e melhorar os índices de mortalidade infantil, pois esta era a missão de vida dele. Ele não cumpriu a missão cármica dele e, Maria carregou para ela a responsabilidade por muitas mortes desnecessárias.

A pessoa está no seu caminho, então eu faço o trabalho

Até certo ponto há algum vestígio de ética quando o espiritualista trabalha com oráculos que o ajude neste processo de ajuda espiritual, porém, há os que utiizam esta desculpa para faturar muito em trabalhos amorosos.

Reparem uma coisa, por mais que ganhem muito dinheiro com amarrações, tais espiritualistas nunca tem uma vida equilibrada e, o final da vida nunca é glorioso. Nem é preciso falar da carga espiritual e a Lei do Retorno em ação.

O ideal e recomendado

Quanto tiver dores de amor, abandono, seu amor não é correspondido procure sim um cigano, cigana, pai de santo, magista etc, mas procure para fazer o certo:

  • abrir seus caminhos
  • aumentar o amor próprio
  • equilíbrio espiritual
  • trabalhos espirituais para a timidez

Resultados prováveis da amarração

  • assumir a responsabilidade pelo Carma que o outro tem a cumprir
  • ferir a Lei Universal do Livre Arbítrio
  • felicidade unilateral e com tempo certo para término
  • infelicidade do outro
  • destruir a vida financeira do outro para amarrá-lo
  • violência doméstica
  • brigas constantes
  • adultério

Exemplos de resultados

CASO 1: Com ajuda de um ‘bom” pai de santo, ele comemora seu primeiro ano de casada, sem a presença de rivais, com seu homem dentro de casa. O egoísmo não a deixa enxergar que o marido está falido, desempregado, triste e deprimido. A bomba relógio para o fim desta relação está armada.

CASO 2: Ele sempre recorreu aos trabalhos espirituais para conquistas as mulheres que desejou. Teve vários filhos com diversas mulheres, orgulhoso de suas conquistas, um dia casou com a mulher mais linda e que lhe despertava desejos incontroláveis. O caráter volúvel, os gastos comos filhos de outras relações, traições acabou por esfriar a esposa e, mesmo com trabalhos de reforços da amarração, a esposa o deixou. Pouco tempo depois ela descobriu estar contaminada com uma doença sexualemnte treanmissível e, deprimida morreu pela baixa imunidade. Ele também foi diagnsticado positivo e, responsável por contaminar outras mulheres também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *